Esporte, gênero e ideologia: a (des)construção de Ronda Rousey no comercial #PerfectNever

  • Tarcyanie Cajueiro Santos
  • Felipe Tavares Paes Lopes
Palavras-chave: Esporte. Gênero. Ideologia. Publicidade.

Resumo

Neste trabalho, buscamos responder as questões: como as atletas do Ultimate Fighter Championship (UFC) são simbolicamente construídas por peças publicitárias? Em que medida e como essas construções se entrecruzam com relações de dominação de gênero em um esporte tradicionalmente considerado masculino? Analisamos e interpretamos o potencial ideológico e o contestatório dos sentidos mobilizados pelo comercial da Rebook #PerfectNever, protagonizado pela ex-campeã de UFC Ronda Rousey. Para tanto, adotamos a metodologia da hermenêutica de profundidade, de Thompson. Concluímos que, do ponto de vista das relações de gênero, o comercial é potencialmente subversivo e, do ponto de vista das relações de classe, potencialmente ideológico.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
24-12-2017
Como Citar
Santos, T. C., & Lopes, F. T. P. (2017). Esporte, gênero e ideologia: a (des)construção de Ronda Rousey no comercial #PerfectNever. E-Compós, 20(3). https://doi.org/10.30962/ec.1323
Seção
Publicidade