Audiences and interpretations

  • Sonia Livingstone
Palavras-chave: Audiência, Momento da recepção, Compreensão, Interpretação

Resumo

Este artigo se apóia nos desenvolvimentos recentes em pesquisas de comunicação para explorar o conceito de audiência ativa, assim como os processos de interpretação dos textos midiáticos. Usando a importante contribuição do modelo de codificação/decodificação de Stuart Hall como ponto de partida, defendendo uma perspectiva na qual a recepção da audiência é vista como estruturada tanto por fatores textuais quanto (psico)sociais. Entretanto, os processos de compreensão e interpretação não devem ser entendidos como restritos por estes fatores. Ao contrário, eles devem ser distinguidos entre si, para depois serem entendidos em relação às oportunidades textuais e sociais de abertura, contradição, agenciamento, polissemia, ambigüidade etc. Argumento que novas pesquisas empíricas devem ser conduzidas, se quisermos dar novos passos para entender melhor quando, onde, e sob quais circunstâncias, diferentes tipos de entendimento ocorrem durante estes processos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
24-06-2008
Como Citar
Livingstone, S. (2008). Audiences and interpretations. E-Compós, 10. https://doi.org/10.30962/ec.185
Seção
Dossiê Temático