O Fluminense e a nostalgia das referências perdidas

  • Leticia Cantarela Matheus
Palavras-chave: Jornalismo, Narrativa, História, Tradição, Identidade

Resumo

Este artigo advém de uma pesquisa em andamento sobre o uso que os jornais fazem do passado para legitimarem suas próprias posições nos diferentes sistemas comunicacionais. Ele traz um estudo sobre O Fluminense, jornal centenário de Niterói – RJ, que precisou estabelecer certas estratégias para tentar manter sua posição no mercado local. Uma dessas estratégias foi tentar reconstruir sua própria identidade bem como a de seu público. Ele revela que os jornais não possuem o mesmo significado em qualquer lugar, mas que atendem a diferentes demandas de acordo com cada sociedade. Neste caso, O Fluminense não foi apenas um sinal de modernização, mas justamente um signo de tradição.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
26-10-2009
Como Citar
Matheus, L. C. (2009). O Fluminense e a nostalgia das referências perdidas. E-Compós, 12(2). https://doi.org/10.30962/ec.369
Seção
Artigos Originais