Escravos letrados: uma página (quase) esquecida

  • Marialva Barbosa
Palavras-chave: Escravos, Leitura, Impressão.

Resumo

O artigo procura mostrar que, apesar de ser pouco referenciadas, a leitura e a escrita dos escravos do século XIX no Brasil podem ser perfeitamente recuperadas a partir de múltiplos indícios. O estigma da imersão dos escravos num mundo cuja prevalência era a oralidade encobre as suas múltiplas possibilidades de letramento e leitura numa sociedade perpassada pelos impressos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
22-06-2009
Como Citar
Barbosa, M. (2009). Escravos letrados: uma página (quase) esquecida. E-Compós, 12(1). https://doi.org/10.30962/ec.371
Seção
Dossiê Temático