Novas Perspectivas para o Estudo da Relação entre Discursos Midiáticos, Juventude e Poder

  • João Freire Filho
Palavras-chave: Juventude, Mídia, Discurso, Poder, Metodologias de Pesquisa em Comunicação

Resumo

Na primeira parte deste artigo, examino, sob uma perspectiva genealógica, como as idéias ainda hoje preponderantes acerca da adolescência se tornaram possíveis e foram desenvolvidas, codificadas e disseminadas na virada do século XX, no âmago de candentes debates sobre questões fundamentais para a estabilidade e o progresso dos Estados-Nação. Após este exercício histórico e teoricamente informado de desnaturalização e desconstrução do conceito de adolescência, passo a abordar certos desafios metodológicos que envolvem a análise da construção discursiva da adolescência e da juventude na mídia contemporânea e suas possíveis implicações no governo deste segmento populacional. Na conclusão do artigo, reflito sobre minhas próprias incursões neste campo de investigação pouco explorado pelos pesquisadores da área de comunicação social no Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Filho, J. F. (2006). Novas Perspectivas para o Estudo da Relação entre Discursos Midiáticos, Juventude e Poder. E-Compós, 6. https://doi.org/10.30962/ec.82
Edição
Seção
Dossiê Temático