Comunicação Intercultural: prática social, significado político e abordagem científica

  • Mohammed ElHajji
Palavras-chave: Comunicação Intercultural, Comunicação Comunitária, Identidade Cultural, Pluri-Pertencimento

Resumo

Este artigo se propõe de examinar e co-relacionar as diversas facetas constitutivas do fenômeno da interculturalidade – a partir de sua manifestação e cristalização no campo comunicacional. Busca-se apreender a questão da Comunicação Intercultural (CIC) na sua tripla natureza social, política e científica. Enquanto prática social, interface e vetor dialógico entre os diversos segmentos identitários, culturais, étnicos, nacionais e confessionais componentes da paisagem social e política contemporânea. E como superfície discursiva, horizonte de análise e estudo para a compreensão dos mecanismos de luta e de negociação da cidadania e do espaço político por esses mesmos segmentos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
ElHajji, M. (2006). Comunicação Intercultural: prática social, significado político e abordagem científica. E-Compós, 6. https://doi.org/10.30962/ec.86
Edição
Seção
Dossiê Temático